terça-feira, 27 de outubro de 2009

Volúpia


O teu dente rasga
o corpo
até o abismo do meu ventre.

A tua língua aprofunda
no vale
entre as minhas pernas.

Na penumbra do meu sexo,
teus lábios
bordam o meu orgasmo.

(Alan Félix)