quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Ausência


para Gilvana

a ausência,
é o silêncio da casa
sem você.

é o breu da noite
sem estrelas
no lado vago da cama.

a solidão das mãos
buscando às suas mãos.


você, longe de mim
é página branca
de uma folha que deseja

o contato,
o afago,
o carinho das letras.


Alan Félix