quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Perdas & Ganhos


Areia do destino
desenha nosso encontro,

minha mão traça seu corpo angelical,

anjo terrestre
perdido em grão de tristeza.

Afinado com meu dedo
vou te resgatando

da letargia da praia morta
do inverno rigoroso,

montando mosaico das suas tramas empoeirada.

O derradeiro rasgar
das minhas unhas na sua rocha,

renasce no seu coração
todo ponto luminoso acinzentado

daquela erosão emotiva no seu pulsar amoroso.

A erupção
do meu toque sensível,

modela suas perdas e ganhos,

se ligando feito teia
unindo nossas vidraças esmagada num beijo.

(Alan Félix)